CDL INFORMA

NOTÍCIAS

08/12/2013 00:00

Índios Enawenê Nawê fecharam neste domingo ponte no Rio Juruena e cobram pedágio

  • Fonte: Juína News

Foto arquivo

 

 

Cerca de 100 índios da etnia Enawenê Nawê do município de Juína-MT, estão neste momento cobrando pedágio dos motoristas na ponte do Rio Juruena na Rodovia MT-170, localizado a 57 km do município.

 

 

A informação foi passada por motoristas que trafegaram pela Rodovia MT-170 e confirmada pelo coordenador regional da Funai em Juína, Antonio Carlos, que foi informado por meio de um oficio de um movimento em protesto contra a SESAI.

 

 

O dinheiro arrecadado segundo os próprios índios serão para compra de medicamentos básicos para aldeia Halatakwa. Eles também reivindicam melhorias na estrutura do PSF da aldeia que foi construído, informou Antonio Carlos.

 

 

O coordenador informou ainda, que tentou manter um diálogo com lideranças da etnia para que aguardasse esta semana a aquisição de medicamentos, mas que não foi aceito por eles, além de ter tido contato com o coordenador do distrito sanitário especial indígena em Cuiabá, que segundo Antonio Carlos, prometeu a compra medicamentos para essa semana.

 

 

Os valores  cobrados no pedágio variam de R$ 50 para motocicletas e R$ 100 para  caminhonetes, caminhões e ônibus.

 

 

 

Segundo o indígena Dodowai Enawenê-Nawê, a previsão do manifesto com cobrança de pedágio vai até no fim da manhã desta segunda-feira dia 9 de dezembro.

 

 

 

A Rodovia MT-170 está fechada com paus, pedras e galhos de arvores, somente passam pela barricada o motorista que desembolsar o valor exigido pelos índios. Não é a primeira vez ocorre bloqueio da MT-170 e cobrança de pedágios pelos indígenas, o último foi em setembro do ano passado.

Comentários

eliane 10 / Dez / 2013 - 00:00
Criticas ou não! Somos cidadãos e temos nossos direitos sempre violados, para aqueles que pensam que entramos no que eram dos indios, o que vc faz aqui, caia fora meu amigo , como criticar se ao menos vc não se identifica, quando somos honestos e do bem , podemos sim nos espressar, mas digno tambem assumir nosso ponto de vista, não somos nos que devemos pagar por isso é sim o orgão que os apoiam e auxiliam, pois pago todos os meus encargos para ir e vir como diz a constituição. então cada um no seu quadrado.
Pedro 09 / Dez / 2013 - 00:00
Isso e uma vergonha !!! minguem faz não a respeito desses Índio..
Alcebides 09 / Dez / 2013 - 00:00
Eles estão mais é que certo, mostram que são organizados e sabem que para ser ouvidos neste sistema politico carcomido e putrefato em que vivemos é somente na pressão para ser vistos, e o povo egoísta vem com essa mentira que ele tem tudo que querem, o povo tem que sair da frente das novelas mentirosas e vivermos mais a nossa realidade no dia a dia, e viva a democracia!!
Roberto M5 09 / Dez / 2013 - 00:00
Deveria ter uma intervenção policial e garantir que tenhamos nosso direito de ir e vir assegurados! Falta é coro para esses índios!
José Carlos Maldonado 09 / Dez / 2013 - 00:00
Isso é um desrespeito ao cidadão brasileiro, tudo quem tem que pagar a conta somos nos, os índios não trabalhão para ganhar seu sustento deveria ficar lá no mato pois eles tem que viver de acordo com seus costumes e se quiser reenvidicar algum direito vai em Brasília falar com a Dilma, nos já temos uma conta muito alta pra pagar que é os abusivos impostos que pagamos para viver nassa sociedade; isso é o preço de sermos cidadão de bem e pacíficos, até quando......
Anônimo 09 / Dez / 2013 - 00:00
Pouca vergonha é vocês como cidadãos comentarem uma coisa dessas! Eles trabalham nas terras deles para eles, vocês se esquecem que nós entramos no que era dele e não eles no que era nosso! Só a contribuição forçada que eles fizeram ainda na colonização já paga todos os auxílios inclusive pensão ou o que for. Vão ler mais antes de criticar.
paulo ricardo 09 / Dez / 2013 - 00:00
Anônimo... ainda bem que li um comentário que presta. Na verdade, o povo tem uma visão micro. Não consegue olhar por cima do outro lado da montanha, e nem deve imaginar o que tem lá. A culpa disso tudo são dos governantes que votamos. Esse ato, é uma reação à ação (ou omissão).Os valores estão salgados para a maioria que trafegam na rodovia. Esse ato é legítimo. Eles tem direito. A gente não.
ProntoFalei 09 / Dez / 2013 - 00:00
Sim!!!! Os índios têm seus direitos infligidos, assim como eu. Então pelo que me parece virou modo esse negócio de trancar a ponte. Como eu quero ter o 14º, assim como os governantes de nosso país, porém eles não atendem a essa nossa reivindicação, trancarei a ponte e pedirei pedágios simbólicos no valor de R$ 50,00 para moto e R$ 100,00 para carros, caminhonetes, caminhões e ônibus, ah embarcações tbm. Ridículo essa Sr Anônimo, quer dizer que agora eu sou obrigada a aceitar o que os "Índios" estão fazendo, ou pior pagar pedágio, mas pelo que percebo, para vc Sr Anônimo não é pedágio, mas sim minha (nossa) de pagar como forma de devolver os auxílios, pensões, etc que receemos até hj. Sr. Anônimo lei mais vc tbm, mas não sobre "Índios" e sim sobre os nossos direitos.
ademo 09 / Dez / 2013 - 00:00
pouca vergonha, porque nao vao ficar em frente a funai, nos temos que pagar por isso,nao temos na a ver com seus problemas, pagamos nossos impostos para garantirmos o direito de vir e de ir.
Alberto Perrone 09 / Dez / 2013 - 00:00
Todo fim de ano é a mesma coisa. Caixinha pro natal!
Marilete gomes 08 / Dez / 2013 - 00:00
Juina cada vez melhor, sem contAr q essa de fecha a ponta ja viro moda. Ta virando novela isso toda vez eles fecham a ponte nAo é mas novidade e ninguem Faz nada arespeito , eles ja ganham muito da funai.
thiomar 08 / Dez / 2013 - 00:00
todo cidadao tem direito de ir e vir indios reeividicam direitos mas nao respeitam nossos direitos poderiamos cobrar pedagios deles por transitarem na cidade ou estradas fora das reservas
ivete 08 / Dez / 2013 - 00:00
QUE POUCA VERGONHA ELES JÁ TEM TODOS OS AUXILIOS NECESSÁRIO NÃO TRABALHAM, E AINDA QUEREM MAIS.... OQUE FALTA É UMA LEI QUE DETERMINE QUE OS ÍNDIOS TENHAM AS MESMAS OBRIGAÇÕES DOS CIDADÃO COMUM!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Comentar