Juína/MT, 15 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

15 de Junho de 2024


Brasil Quarta-feira, 05 de Abril de 2023, 15:05 - A | A

Quarta-feira, 05 de Abril de 2023, 15h:05 - A | A

Massacre em creche: hospital de Blumenau informa estado de saúde das crianças internadas

Quatro crianças estão internadas no Hospital Santo Antônio

O Hospital Santo Antônio (HSA) atualizou na tarde desta quarta-feira, 5, o estado de saúde das quatro crianças feridas no atentado contra a creche Cantinho Bom Pastor. Além das quatro internadas, uma outra criança ficou ferida e foi liberada e outras quatro morreram.

Segundo a administração do HSA, todas as crianças e familiares foram acompanhados pelo serviço multidisciplinar da instituição e estão estáveis. Algumas precisaram passar por procedimentos cirúrgicos, mas também já estão em recuperação.

As vítimas são duas meninas de cinco anos, um menino de cinco anos e outro de três anos. Os pacientes serão encaminhados à enfermaria no período da tarde e ficarão em observação por pelo menos 24h.

De acordo com a Polícia Civil, mais uma criança ficou ferida, no entanto, foi atendida e liberada para casa com os pais.

Atentando em creche

Durante a manhã desta quarta-feira, 5, um homem, de 25 anos, entrou na creche Cantinho do Bom Pastor, localizado na rua Caçadores, bairro Velha, em Blumenau, e atentou contra crianças.

Ele estava com um machado, matou quatro crianças. As vítimas foram identificadas como Bernardo Pabst da Cunha, 4, Bernardo Cunha Machado, de 5 anos, Larissa Maia Toldo, de 7 anos, e Enzo Marchesin Barbosa, de 4.

O autor do crime também deixou cinco feridos. Uma já foi liberada, enquanto as outras quatro, duas meninas e um menino de 5 anos e um menino de 3, estão internadas no hospital Santo Antônio.

Após realizar o massacre, o homem foi até o Batalhão da Polícia Militar para se entregar, após cometer o crime, e foi preso em flagrante.

Devido ao acontecimento, a Polícia Militar e o prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt, informaram que todas as aulas desta quarta-feira, 5, e quinta-feira, 6, de escolas municipais foram canceladas. Aulas nas universidades e escolas particulares também foram suspensas.

O evento Páscoa em Blumenau, que acontece no Parque Vila Germânica, também foi cancelado. Aulas no Pró-Família também foram canceladas. Com o cancelamento das aulas, os corredores de ônibus ficam liberados ao longo desta quarta-feira, 5.

Uma professora que estava na creche alvo de atentado, relatou alguns momentos vividos durante o crime. Em depoimento, ela conta trancou as crianças para evitar que fossem atacadas. “Aquela cena que você nunca imagina ver na vida”, disse.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o governador Jorginho Mello se pronunciaram na manhã desta quinta-feira, 5, em relação ao massacre registrado em uma creche em Blumenau.

A Polícia Militar de Blumenau e o Corpo de Bombeiros desmentiram alguns dos boatos de novos ataques que começaram a circular nas redes sociais, após o atentado que aconteceu na creche Cantinho Bom Pastor. A prefeitura de Gaspar Também emitiu uma nota negando as notícias.

 

 

Fonte: Blumenau Notícias

 

 

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros