Juína/MT, 18 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

18 de Junho de 2024


Educação Sexta-feira, 27 de Dezembro de 2019, 09:34 - A | A

Sexta-feira, 27 de Dezembro de 2019, 09h:34 - A | A

História vitoriosa

Escola Antônio Francisco Lisboa completou 40 anos em Juína

Juína News

A Escola Estadual Antônio Francisco Lisboa completou nesta semana 40 anos de existência no município de Juína. Para comemorar esta data tão especial foi realizada uma programação com apresentações culturais na escola numa manhã de muitas emoções.
 
O diretor da escola Luiz Fernando Hoffman falou ao Juína News sobre a comemoração da escola onde ressaltou que é uma honra fazer parte do quadro de educadores da escola, e que  teve sua primeira experiência como gestor em um momento tão sublime como este.
 
Luiz Fernando explicou que a escola é tem mais tempo de existência que a emancipação política de Juína, e que no começo a unidade era uma escola municipal pertencente ao município de Aripuanã que era comarca de Juína em meados de 1979, tendo como primeiro diretor o professor Ivo Pedro Da Silva.
 
Hoje, vereador do município, o professor Ivo Pedro participou da solenidade e falou da emoção de participar da comemoração do aniversário e emocionado fez um breve histórico da Escola Antônio Francisco Lisboa. Ele conta que trabalhou no ano de 1983, quando ainda era municipal, sendo que no ano de 1982 a cidade de Juína foi emancipada  e a escola então entrou com um processo no ano de 1987 para tornar-se uma escola estadual, que ocorreu na gestão do ex-governador de Mato Grosso Carlos Gomes Bezerra, cujo secretária de educação era a professora Serys Lhessarenco.
 
Ivo Pedro Da Silva foi diretor da escola por aproximadamente treze anos consecutivos através do processo democrático de eleições e diz que tem um grande carinho pela escola que trabalha como escola de Campo valorizando a vida das famílias que moram na zona rural.
 
Também esteve participando das comemorações, a professora Neide Gobatte Calça, que foi uma das professoras pioneiras da escola, onde lecionou a disciplina de matemática e seus trabalhos se iniciaram no ano de 1988, sendo a primeira escola que trabalhou em Juína. A professora lembrou que posteriormente trabalhou em outras escolas e se aposentou trabalhando na escola Antônio Francisco Lisboa. Já aposentada, a professora Neide relata sobre as lembranças que são as melhores, e acompanhou o crescimento da cidade de Juína, passando por duas reformas e ampliações até obter a estrutura predial que é uma das melhores de Juína.
 
Carina Menagate Munaretto, foi aluna da escola entre 2001 a 2009 e hoje é uma das professoras da escola e relata sentir muito orgulho da oportunidade que teve em poder trabalhar na escola que estudou e tanto gosta, destacando as mudanças prediais da escola como uma grande conquista da comunidade, mesmo sabendo que muitas coisas têm que ser melhoradas, porém, os resultados são sempre satisfatórios e os alunos que passam pela escola a maioria vão para universidades dar continuidade nos estudos.
 
Os alunos matriculados que frequentam a escola são um total de 250, sendo 150 alunos que estudam na própria escola, e os demais estão em salas anexas de linhas rurais na Linha 07, Escola Ponce de Arruda, comunidade São Paulino, Linha 04, Escola Euclides da Cunha, Filadéfia, Escola Osvaldo Cruz, e em Terra Roxa a Escola Álvares de Azevedo, todas com a modalidade de ensino médio.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros