Juína/MT, 15 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

15 de Junho de 2024


Juína Terça-feira, 12 de Setembro de 2023, 08:31 - A | A

Terça-feira, 12 de Setembro de 2023, 08h:31 - A | A

Conselho tutelar

Urnas eletrônicas começam a ser preparadas e carregadas; saiba quem são os candidatos (as) em Juína

Eleições para conselheiros tutelares ocorrem dia 01 de outubro e 14 candidatos disputam 05 vagas efetivas para o cargo

Juína News com assessoria

Ontem mais de mil urnas eletrônicas começaram a ser preparadas e carregadas em Mato Grosso para as eleições unificadas de conselheiros tutelares, marcadas para 1º de outubro, de modo a garantir a realização do pleito com eficiência e segurança. A carga das urnas envolve a instalação do software, a inserção dos dados dos candidatos e a configuração das máquinas de forma apropriada.

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPMT) e o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) formalizaram em abril deste ano Termo de Cooperação Técnica para apoio aos Conselhos Municipais dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes (CMDCAs) na realização das eleições unificadas dos Conselhos Tutelares.

Conforme o chefe da Seção de Voto Informatizado do TRE-MT, Julceir Reginaldo Ramos, neste ano, com a realização das eleições de forma unificada e a cooperação entre o Ministério Público e o TRE, a quantidade de municípios que aderiram ao uso da urna eletrônica foi muito acima do esperado. "A quantidade de pedidos de urna eletrônica foi cerca de seis vezes maior do que em 2019", destaca. Em Mato Grosso, 98 municípios realizarão as eleições utilizando urnas eletrônicas.

Para Julceir Ramos, "o uso da urna nas eleições comunitárias, além de garantir mais celeridade na apuração, pois dispensa todo o processo de apuração e contagem de cédulas, também traz segurança e transparência para o processo, uma vez que o software é fornecido pelo TSE, sem possibilidade de intervenção local".

A base de dados para a criação das listas de eleitores foi gerada no dia 1º de setembro, e somente os eleitores aptos no cadastro da Justiça Eleitoral naquele momento poderão exercer seu direito de voto. Essa medida visa assegurar a lisura e a transparência do processo eleitoral, garantindo que apenas os cidadãos devidamente cadastrados participem da escolha dos conselheiros tutelares.

Em Juína haverá quatro locais destinados a votação que serão: Escola Estadual Dr. Artur Antunes Maciel no Módulo 02, E.E. Antônia Moura Muniz, no bairro Módulo 06, E.E. 21 De Abril, no bairro Padre Duílio e E.E. Militar Tiradentes “Padre Ezequiel Ramin”, localizada no setor “F” do bairro Módulo 05, com horário inicial da votação das 07:00h às 17:00h.

Veja quem são os candidatos a conselheiros tutelares por Juína:

Adriana Kelly Bazzi Da Silva.
Denise Cristine Bortolini.
Allan Victor Veloso.
Valdeque Maria Batista Da Silva 
Simone Candida Da Costa.
Leidiane De Araújo Pontes.
Irineu Locatelli.
Elma Pereira De Melo
Regina Ramos Cordeiro Pereira.
Karine Farias De Lima.
Neusa Lopes Duarte.
Elizete Barbosa De Matos Silva.
Rafael Curzel Monte.
Amanda Scarlet Ferreira Negri.

 

Candidatos (as) ao pleito de 2023

candidatos por juina.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A campanha dos candidatos a conselheiro tutelar é semelhante a uma campanha eleitoral comum, e a remuneração que é um cargo com dedicação exclusiva com o salário base fixado é de R$ 3.300.00 com jornada semanal de 40 horas, em sistema rotativo de plantões escalados conforme a necessidade das demandas existentes na cidade, finalizou Honório.

Siga o Juína News nas redes sociais facebook/juinanews e no Instagram clicando aqui @juinanews

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros