Juína/MT, 22 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

22 de Junho de 2024


Lista de Notícias Quinta-feira, 06 de Setembro de 2018, 00:00 - A | A

Quinta-feira, 06 de Setembro de 2018, 00h:00 - A | A

Força Tática de Juína prende homem de 53 anos suspeito de estuprar mulher de 25 anos

Juína News

Em menos de uma semana três casos de estupro aconteceram na cidade de Juína, deixando a população revoltada.

O caso mais recente aconteceu ontem dia 05, por volta das 11:00 da manhã, quando uma mulher de 25 anos (J.A.S) caminhava pelo bairro Módulo 03, na Rua Ives Ortolan e parou em uma borracharia para pedir um copo de água, pois não estava se sentindo bem. Após beber a água apareceu Luiz Filismino da Silva de 53 anos que já era conhecido da mesma e se ofereceu para levá-la até a UPA para atendimentos médicos.

Porém no decorrer do percurso Luiz mudou a direção do veículo para uma rua que a vítima tinha certeza que não a levaria na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), e começou a chamar por socorro, porém o suspeito subiu os vidros do carro e seguiu para a MT 170, sentido Castanheira, vindo a parar em uma ponte. Ela disse que queria fazer “xixi” e após isso ele o agarrou e cometeu estuprou violentamente.
Logo após cometer o ato de estupro Luiz Felismino da Silva, trouxe a vítima e a deixou em sua residência no bairro módulo 04, e tomou rumo ignorado.

No momento em que o esposo da vítima chegou a casa, a mesma relatou o ocorrido ao marido que de imediato acionou a Polícia Militar via 190, onde uma equipe se deslocou até o endereço da vítima e juntos foram para a delegacia municipal registrar o caso.

De posse das características do acusado a equipe da Força Tática logrou êxito em localizar o acusado, conduzindo-o até a delegacia.
Com o suspeito foi encontrado uma quantidade de R$ 654.00, em dinheiro, uma folha de cheque do banco do Brasil no valor de R$ 1.200.00, e um da cooperativa Sicredi no valor de R$ 800.00, e também 03 unidades de preservativos masculinos, uma caderneta de anotações, documentos pessoais e diversos documentos de veículos.

A vítima foi encaminhada para exame de conjunção carnal e lesão corporal.

Após o resultado de exames, de ouvir a vítima e suspeito, o delegado de polícia Marco Remuzzi decidiu pela autuação em flagrante por crime de estupro contra Luiz.

Hoje, no período da tarde Luiz deverá ser levado para audiência de custódia e o juiz plantonista deverá decretar sua prisão em flagrante em prisão preventiva, ou conceder a liberdade ao suspeito.

Participaram da ocorrência do GUPM FT: Cabo Ronildo e soldados Lima, Prado e Costa.

Comente esta notícia

Usuário do Google 07/09/2018

Eu conhece ele é sei gue ele nunca faria isso ela está sendo acusado injustamente

positivo
0
negativo
0

Paloma Mayara Rosa 07/09/2018

Nossa eu conheci o Luiz pessoalmente e ele sempre me tratou cm respeito e educação é difícil acreditar nisso

positivo
0
negativo
0

Cleuza 06/09/2018

Se querem legalizar o aborto. Porque não legaliza a pena de morte para um ser desprezível desses um ser asqueroso nojento td isso é falta de lei porque a justiça prende e lei solta,é impressionante cadeia nesse crápula.

positivo
0
negativo
0

3 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros