Juína/MT, 14 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

14 de Julho de 2024


Mato Grosso Quarta-feira, 01 de Fevereiro de 2023, 08:46 - A | A

Quarta-feira, 01 de Fevereiro de 2023, 08h:46 - A | A

Governador regulamenta auxílio-fardamento aos policiais penais de MT

Da Redação

O governador Mauro Mendes regulamentou a concessão de auxílio fardamento aos mais de 2 mil policiais penais que atuam para o Estado de Mato Grosso. Ainda foi autorizada a entrega de mais 298 pistolas Glock para a categoria.

O decreto foi assinado nesta terça-feira (31.01), no Palácio Paiaguás, em Cuiabá. Também participaram do ato o deputado estadual João Batista, que é servidor de carreira do Sistema Socioeducativo, os secretários Mauro Carvalho (Casa Civil), César Roveri (Segurança Pública) e Basílio Bezerra (Planejamento e Gestão).

“Estamos criando as condições adequadas para que o servidor possa trabalhar com segurança e com eficiência. O grande objetivo disso é que ele possa melhorar a sua prestação de serviço ao cidadão e à sociedade. Todo servidor vai ter esse direito, que não era cumprido, de ter esse uniforme, com o valor depositado em conta”, declarou o governador.

De acordo com o documento, os policiais penais receberão anualmente R$ 1220 a título de auxílio para comprarem suas fardas. O valor será depositado até o mês de dezembro de cada ano. A exceção ocorre neste ano, cujo auxílio será depositado até o dia 31 de março.

O mesmo benefício já tem sido concedido desde o ano passado a todos os policiais militares e bombeiros, e agora se estende aos policiais penais, uma vez que a carreira deles foi regulamentada após aprovação de projeto enviado à Assembleia Legislativa pelo próprio governador Mauro Mendes, em 2022.

O secretário de Estado de Segurança Pública, César Roveri, destacou que o decreto representa o cumprimento de um compromisso assumido pelo governador.

"A partir de agora, com a regulamentação, o policial passa a receber esse valor anualmente. Isso reflete na condição de trabalho e na vontade do servidor em prestar um melhor serviço", disse.

Para o deputado estadual João Batista, o auxílio-fardamento atende uma reivindicação de mais de 12 anos desse grupo de servidores.

"Nós passamos essa situação ao governador e ele resolveu. Para os nossos policiais, isso significa autoestima, economia do seu salário e valorização. O Governo está cumprindo seu compromisso e trazendo mais dignidade para essa categoria", pontuou.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros