Juína/MT, 16 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

16 de Junho de 2024


Mato Grosso Segunda-feira, 10 de Junho de 2024, 08:32 - A | A

Segunda-feira, 10 de Junho de 2024, 08h:32 - A | A

Seduc abre processo seletivo para contratação temporária de militares da reserva

Objetivo é formar cadastro reserva para contratação temporária nas Escolas Estaduais Cívico-Militares

Juína News com Assessoria

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) abriu, nesta sexta-feira (07.06), as inscrições para o processo seletivo simplificado destinado à formação do cadastro de reserva para a contratação temporária nas Escolas Estaduais Cívico-Militares. O salário varia entre R$ 4.729,35 e R$ 6.125,75.

A seleção é para a contratação temporária de policiais militares, bombeiros e Forças Armadas da reserva remunerada ou não remunerada, com atuação de 40 horas semanais. A convocação será realizada à medida que surgirem vagas nas unidades escolares. Em caso de recusa, será convocado o próximo da lista de classificação.

De acordo com o edital, as vagas são para as funções de apoio técnico especializado cívico-militar nível 1; apoio técnico especializado cívico-militar nível 2 e inspetor cívico-militar. O processo seletivo será realizado por meio de prova objetiva, dissertativa e de curso de formação, e poderão concorrer as vagas Oficiais e praças da reserva remunerada das Forças Auxiliares ou das Forças Armadas, bem como os Oficiais e praças da reserva não remunerada, que tenha cumprido, no mínimo, o período obrigatório da respectiva instituição. 

As inscrições devem ser feitas até o dia 24 de junho exclusivamente através do site do Instituto Selecon. O pagamento da inscrição deve ser realizado até o dia 10 de julho de 2024. 

Os atos oficiais relativos ao processo seletivo, incluindo os eventuais chamamentos dos candidatos selecionados, serão publicados no Diário Oficial do Estado de Mato Grosso e no site do Instituto Selecon. Fica assegurado às pessoas portadoras de deficiência o percentual de 10% das vagas a serem oferecidas.

O não comparecimento do candidato para contratação no prazo estipulado acarretará a perda do direito à vaga. O candidato convocado deverá se apresentar no prazo estabelecido em edital de convocação, munido de toda a documentação original elencada no edital, sob pena de eliminação do processo seletivo e convocação do candidato seguinte na classificação.

Acesse o edital em anexo

 
 

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros