Carregando...
Carregando


Juína News

Hoje Sabado
20 de Abril de 2019

Anuncio



Avenidas são fechadas para que bombeiros capturem abelhas em Juína

08 de Fevereiro de 2019
- Fonte: Juína News

Uma ocorrência que necessita muito cuidado e habilidade por partes dos profissionais da 14ª CIBM, onde os mesmos foram solicitados para fazer a retirada de um enxame de abelhas na Avenida Ulisses Guimarães no bairro módulo 06.
 
As avenidas foram interditadas para garantir a segurança das pessoas.
 
Os bombeiros entraram em contato com o apicultor, senhor Eduardo a fim de que o mesmo ajudasse na captura das abelhas.
 
O soldado Carvalho do corpo de bombeiros ressaltou que se tratava de uma grande quantidade de abelhas, e que tiveram que tomar um cuidado especial para com os moradores do local onde se encontrava as abelhas, pois mesmo após o trabalho de captura algumas abelhas sempre permanecem no local.
 
Eram dois enxames grandes de abelhas que foram retirados com ajuda de um criador especializado em abelhas que sempre tem colaborado nas ocorrências que o assunto em questão.
 
“Para uma ocorrência dessa, é necessário que se busque ajuda dos profissionais do corpo de bombeiros, pois uma captura de abelhas por mais simples que pareça um animal pequeno e inofensivo, porém durante um ataque de abelhas a pessoa pode até ir a óbito”, ressaltou o soldado Carvalho
 
O proprietário da residência invadida pelas abelhas, senhor Gilson Espósito falou ao Juína News que há dias as abelhas estavam em sua propriedade e pensando no bem-estar dos vizinhos, resolveu pedir ajuda para retirada dos exames, evitando assim que uma tragédia pudesse acontecer a qualquer momento.
  • Whatsapp
  • Whatsapp
  • Google
0 - COMENTÁRIO
Deixe seu comentário



O site www.juinanews.com.br foi criado em 2008 com o único objetivo de levar as informações e as notícias do município de Juína e toda região.

Com o Juína News, você fica informado. As notícias são imparciais, volte sempre.

© 2008 - 2019 - A notícia certa, na hora certa.
Todos os direitos reservados.