Carregando...
Carregando


Juína News

Hoje Segunda
06 de Julho de 2020




Envolvidos na morte de soldado são afastados das ruas, informa PM

29 de Maio de 2020
- Fonte: Yuri Ramires/GD - Atualizado 29/05/2020 13:25:35
Divulgação GD

Divulgação GD

Polícia Militar afastou, de forma preliminar, os policiais envolvidos na ocorrência que resultou na morte do soldado Ricardo Ferreira de Azevedo, 36, na noite de quinta-feira (28), em Cuiabá. Eles vão desenvolver atividades internas enquanto o fato é apurado pela Corregedoria da corporação. Azevedo foi morto com um tiro disparado por um tenente da Força Tática.
 
De acordo com a nota divulgada pela assessoria de imprensa, a PM lamentou o episódio que resultou em uma ‘perda trágica e precoce’. Além disso, informam ‘o afastamento preliminar dos envolvidos para atividades internas’, enquanto o caso é apurado pela Polícia Judiciária Militar, na Corregedoria.
 
“A PM está dando atenção e assistência aos familiares do soldado Azevedo”, diz trecho da nota. Azevedo era lotado no serviço de inteligência e trabalhava na coleta de informações sobre tráfico/uso de drogas, roubo, furtos e outros crimes na região do Centro de Cuiabá.
 
Conforme a assessoria, no momento do incidente, ele estava com sua equipe auxiliando uma ocorrência do batalhão da Ronda Ostensiva Tática Móvel (Rotam), que procurava por suspeitos de terem cometido um crime, identificando um dos suspeitos no pátio do posto de combustível no começo da avenida do CPA.
 
Força Tática vê cena e entra na ação
 
Como já noticiado pelo , a equipe da Força Tática foi informada via rádio de que as equipes montavam um cerco no Centro e seguiram para avenida do CPA. Na esquina, perto do posto, flagraram o soltado Azevedo – que estava descaracterizado – junto com outro policial em uma motocicleta.
 
Azevedo estava com arma em punho, apontada para um suspeito, que estava em posição de rendição. Equipe da Força Tática ao perceber a ação, pensou que se tratava de um roubo e entrou na cena. Tenente teria ordenado para que ele abaixasse a arma, como isso não aconteceu disparou um tiro contra o soldado.
 
Só depois disso, ele e o outro policial se identificado como militares da inteligência. Socorrido na viatura, foi encaminhado para o Hospital Municipal de Cuiabá, onde chegou a entrar no centro cirúrgico, mas não resistiu e morreu em seguida.
  • Whatsapp
  • Whatsapp
  • Google
0 - COMENTÁRIO
Deixe seu comentário



O site www.juinanews.com.br foi criado em 2008 com o único objetivo de levar as informações e as notícias do município de Juína e toda região.

Com o Juína News, você fica informado. As notícias são imparciais, volte sempre.

© 2008 - 2020 - A notícia certa, na hora certa.
Todos os direitos reservados.