Juína/MT, 16 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

16 de Junho de 2024


Polícia Segunda-feira, 06 de Fevereiro de 2023, 07:54 - A | A

Segunda-feira, 06 de Fevereiro de 2023, 07h:54 - A | A

operação Expurgo

Polícia Civil deflagrada ação para desarticular associação criminosa em Nova Bandeirantes

Ao todo foram cumpridos 7 mandados judiciais com apoio da Polícia Militar

Da Redação

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Nova Bandeirantes (1.026 km ao norte de Cuiabá), deflagrou na sexta-feira (03.02), a operação "Expurgo" para cumprimento de 7 mandados judiciais, visando desarticular uma organização criminosa. 

O trabalho operacional para cumprimento de seis ordens de prisão e uma de busca e apreensão domiciliar, contou com apoio da Polícia Militar de Nova Bandeirantes e da Delegacia de Alta Floresta. 

Os mandados foram decretados pelo juízo da 7ª Vara Criminal da Comarca de Cuiabá, após investigação conduzida pela Polícia Civil de Nova Bandeirantes.

Durante as diligências foi evidenciado a atuação dos envolvidos no tráfico de entorpecentes, bem como identificado os principais líderes da organização e de outros integrantes.

Além dos cumprimentos dos mandados de prisão e de busca e apreensão domiciliar, a operação "Expurgo" resultou na prisão em flagrante de duas pessoas por  tráfico de drogas, associação para o tráfico e uso de documento falso.

Uma outra pessoa também foi conduzida até a Delegacia de Polícia para esclarecimentos, e responderá Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por uso de drogas.

O delegado de Nova Bandeirantes, Marcus Vinicius Ferreira, destacou a importância da ação que logrou êxito em prender os  principais chefes da organização criminosa que vinha agindo na região.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros