Juína/MT, 16 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

16 de Junho de 2024


Saúde Sexta-feira, 10 de Março de 2023, 14:34 - A | A

Sexta-feira, 10 de Março de 2023, 14h:34 - A | A

Reinvindicação

Profissionais da Enfermagem de Juína fazem mobilização por pagamento do piso salarial da categoria

Evento acontece de forma simultânea em todo País

Juína News

Enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem de Juína/MT fazem uma manifestação pacífica em torno do prédio da prefeitura, desde a manhã desta sexta-feira (10), para cobrar o pagamento do piso salarial da categoria. A mobilização acontece de forma em todo Brasil, e no período da tarde a previsão é que aconteça uma carreata na cidade.

Vânia Cristina Bandiera, cobrou a presença do prefeito municipal Paulo Augusto Veronese na mobilização da enfermagem, uma vez que outros representantes já estão apoiando, entretanto, a presença do executivo e legislativo será de grande importância para todos, e pontuou que logo mais à tarde os profissionais de enfermagem estarão na câmara municipal de Juína onde esperam contar com apoio dos vereadores.

Segundo a enfermeira Diana Souza, a mobilização pacífica tem como objetivo lutar pelo pagamento do piso salarial da categoria, pois há mais de 30 anos, a classe vem travando uma luta para com o estado e a União e hoje através desta mobilização que acontece em âmbito nacional, os profissionais da cidade de Juína aderiram ao manifesto e estão engajados na luta pelo piso salarial que já é uma lei e que não está sendo cumprida devido a decisão do STF que barrou o pagamento.

Segundo os profissionais, às 16:30h se reunirão novamente em frente a prefeitura municipal e sairão em uma carreata pelas ruas da cidade lutando pela valorização da classe.

O piso

O piso salarial da classe foi aprovado no dia 4 de agosto do ano passado, momento em que profissionais da enfermagem do País comemoravam a sanção da Lei 14.434/22, que instituía os novos valores a serem pagos para a categoria. Contudo, em setembro de 2022, a categoria foi pega de surpresa com uma notícia desagradável: a suspensão do piso salarial da enfermagem pelo Supremo Tribunal Federal (STF), onde suspensão do pagamento do piso da enfermagem se deu após o ministro Luís Roberto Barro atender a uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) da Confederação Nacional de Saúde (CNS).

Categoria pede piso aprovado pelo congresso:

Enfermeiros: R$ 4.750,00;

Técnicos de enfermagem: R$ 3.325 (70% do piso dos enfermeiros);

Auxiliares de enfermagem: R$ 2.375 (50% do piso dos enfermeiros);

Parteiras: R$ 2.375 (50% do piso dos enfermeiros).  

Siga o Juína News nas redes sociais facebook/juinanews e no Instagram clicando aqui @juinanews 

Álbum de fotos

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros