Juína/MT, 19 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

19 de Junho de 2024


ARTIGOS Sexta-feira, 07 de Julho de 2023, 16:53 - A | A

Sexta-feira, 07 de Julho de 2023, 16h:53 - A | A

As novas formas de parcelamento do solo e as oportunidades para o corretor imobiliário

Da Redação

O parcelamento do solo é uma prática comum no mercado imobiliário, que consiste na divisão de terrenos em lotes menores para a construção de imóveis. Essa prática permite o desenvolvimento de empreendimentos imobiliários e a oferta de novas opções de moradia. Nos últimos anos, surgiram novas formas de parcelamento do solo, trazendo consigo oportunidades para os corretores imobiliários.

Anteriormente, o parcelamento do solo era realizado principalmente por meio dos loteamentos convencionais, em que os terrenos eram divididos e vendidos individualmente. No entanto, com a evolução do mercado imobiliário e a necessidade de soluções mais flexíveis, novas modalidades de parcelamento têm surgido. Aqui estão algumas das principais tendências e oportunidades para os corretores imobiliários:

1. Condomínios horizontais: Os condomínios horizontais são empreendimentos que combinam a privacidade de uma casa individual com a infraestrutura e segurança de um condomínio. Nessa modalidade, os terrenos são divididos e vendidos, e os proprietários têm acesso a áreas comuns, como parques, áreas de lazer e segurança. Os corretores podem atuar na venda dos terrenos, assim como na comercialização das casas já construídas dentro desses condomínios.

2. Loteamentos fechados: Os loteamentos fechados são empreendimentos que oferecem terrenos em áreas restritas e com acesso controlado. Geralmente, eles contam com infraestrutura completa, como redes de água, esgoto, energia elétrica e pavimentação. Os corretores imobiliários podem aproveitar essa modalidade de parcelamento para oferecer aos compradores terrenos em locais seguros e com infraestrutura adequada.

3. Multipropriedade: A multipropriedade, também conhecida como time-sharing, é uma modalidade em que um imóvel é compartilhado por várias pessoas durante determinados

períodos. Essa prática tem ganhado popularidade em destinos turísticos, como praias e resorts. Os corretores podem atuar na venda de frações de imóveis, proporcionando aos compradores a oportunidade de desfrutar de uma propriedade por um período específico do ano.

4. Loteamentos industriais e comerciais: Além do parcelamento do solo residencial, os corretores imobiliários podem explorar o mercado de loteamentos industriais e comerciais. Essa modalidade envolve a divisão de terrenos destinados à construção de empreendimentos industriais, comerciais ou mistos. Os corretores podem atuar na venda desses terrenos, buscando clientes interessados em investir em negócios ou estabelecer suas empresas.

5. Parcelamento por meio de projetos de revitalização urbana: Em algumas áreas urbanas, tem-se observado a necessidade de revitalização e requalificação. Nesses casos, os corretores podem participar de projetos de parcelamento do solo voltados para a recuperação de regiões degradadas ou subutilizadas. Essa abordagem pode envolver a venda de terrenos para investidores interessados em contribuir para a revitalização urbana.

6. Os sítios de recreio são propriedades que oferecem a oportunidade de desfrutar de momentos de lazer, tranquilidade e contato com a natureza. Para os corretores imobiliários, esses imóveis representam uma oportunidade única de negócio, uma vez que muitas pessoas buscam uma segunda residência para momentos de descanso e diversão. Este tipo de empreendimento possibilita vantagens como, conexão com a natureza, sendo um refúgio da agitação das áreas urbanas, permitindo que as pessoas se desconectem e desfrutem de um ambiente natural; lazer e diversão, geralmente possuem em suas áreas comuns uma vastidão de possibilidades recreativas com completa áreas de lazer, que proporcionam momentos de diversão para famílias e amigos, criando memórias inesquecíveis; investimento de longo Prazo, essas propriedades tendem a se valorizar ao longo do tempo, principalmente se estiverem localizadas em áreas de potencial turístico ou de grande procura; além da possibilidade de renda extra, onde muitos proprietários

optam por alugar seus sítios de recreio durante períodos em que não estão sendo utilizados.

É fundamental que os corretores imobiliários acompanhem as regulamentações e leis relacionadas ao parcelamento do solo em sua região, garantindo que estejam em conformidade com as exigências legais e ambientais. Além disso, é importante conhecer o mercado local e entender as necessidades e preferências dos compradores, para oferecer as opções de parcelamento mais adequadas.

Em resumo, as novas formas de parcelamento do solo trazem consigo oportunidades interessantes para os corretores imobiliários. Ao explorar essas modalidades, eles podem diversificar seus negócios, atender a diferentes segmentos de clientes e contribuir para o desenvolvimento do mercado imobiliário. Ao se manterem atualizados sobre as tendências e regulamentações, os corretores estão preparados para aproveitar as oportunidades e alcançar o sucesso em suas atividades profissionais.

CLAUDECIR ROQUE CONTREIRA, é corretor de imóveis, atualmente exercer a função de presidente do CRECI/MT pelo triênio 2022/2024.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros