Juína/MT, 22 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

22 de Julho de 2024


Brasil Segunda-feira, 11 de Setembro de 2023, 16:06 - A | A

Segunda-feira, 11 de Setembro de 2023, 16h:06 - A | A

Petrobras atinge novo recorde de fator de utilização nas refinarias em agosto, de 97,3%

A Petrobras informou nesta sexta-feira (8) que as unidades de Refino atingiram em agosto o patamar de 97,3% de Fator de Utilização Total (FUT), melhor resultado desde dezembro de 2014.

Segundo a empresa, a produção de diesel total no mês foi de 3,78 bilhões de litros, a maior em 2023. A produção de diesel S10, produto mais moderno, sustentável e com baixo teor de enxofre, atingiu 2,37 bilhões de litros no mesmo período.

A estatal destaca a produção recorde mensal de S10 alcançado na Refinaria Alberto Pasqualini (Refap), com 258 milhões de litros; na Refinaria Presidente Bernardes (RPBC), que alcançou 329 milhões de litros; e na Refinaria Paulínia (Replan), onde foi atingida a marca de 609 milhões de litros. 

Segundo a empresa, os resultados são importantes para o amortecimento da volatilidade de preços do mercado externo.

Em nota, o diretor de Comercialização, Logística e Mercados da Petrobras, Claudio Schlosser, afirma que a ampliação da produção de diesel S10 contribui para a estratégia comercial, que prevê a prática de preços competitivos de maneira rentável e sustentável.

Também em nota, o diretor de Processos Industriais e Produtos da Petrobras, William França, diz que a otimização dos nossos processos está permitindo ampliar a produção nas unidades e a oferta de derivados no mercado nacional com rentabilidade.

O cálculo do fator de utilização do refino leva em consideração o volume de carga de petróleo processado e a capacidade de referência das refinarias, dentro dos limites de projeto dos ativos, dos requisitos de segurança, de meio ambiente e de qualidade dos derivados produzidos.

 

 

Fonte: Estadão

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros