Juína/MT, 14 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

14 de Julho de 2024


Juína Terça-feira, 29 de Agosto de 2023, 16:09 - A | A

Terça-feira, 29 de Agosto de 2023, 16h:09 - A | A

Comando Regional VIII

Lançada em Juína, a Operação Shamar de combate ao feminicídio e violência doméstica; assista

Juína News

No mês de conscientização pelo fim da violência contra à mulher, denominado ‘Agosto Lilás’, o Ministério da Justiça e Segurança Pública, em parceria com os órgãos estaduais, idealiza a operação 'Shamar', que reforça a atuação integrada dos órgãos de segurança pública para prevenir e atuar em casos de violência doméstica e familiar contra à Mulher, e principalmente, contra casos de feminicídios. Em Juína, ao Noroeste de Mato Grosso, o lançamento da operação ocorreu na manhã de hoje na sede do Comando Regional 8.

O Tenente Coronel Elvis, comandante do CR VIII, disse que a operação visa gerar ações preventivas e repreensivas de forma qualificada no combate à violência doméstica e familiar, fazendo com que as mulheres tenham plena conscientização sobre a importância de fazer a denúncia, onde entrará a efetividade e aplicabilidade da Lei Maria Da Penha. Segundo o comandante, a operação que foi lançada a nível nacional, se iniciará hoje em todo estado, com ênfase aos municípios que possuem maiores índices registrado de violência doméstica, e outros crimes durante a operação, que no CR VIII ficará sob responsabilidade da Cabo PM Wanderléia. 

Cabo PM Wanderleia que é comandante da Patrulha Maria Da Penha, explica que a operação idealizada pelo ministério da justiça, surgiu mediante a um levantamento dos locais onde foram registrados os maiores números de violência contra a mulher, com um mapeamento destinado para as cidades que não tem um serviço especializado, onde a patrulha Maria Da Penha se fará presente desenvolvendo ações preventivas, repressivas, e pontuais levando ao conhecimento da população o objetivo da operação que é conscientizar as mulheres sobre a importância da denúncia, fazendo com que elas não venham a ser vítimas de feminicídio.

Ela lembrou que no município de Juína, o índice de feminicídio praticamente está zerado, graças ao serviço deflagrado pela Patrulha Maria Da Penha que é realizado em rede com as instituições de segurança e demais órgãos de proteção a mulher, que fizeram com que muitas mulheres buscaram ajuda e apoio da Patrulha, e deixaram de ser reféns do medo e da violência doméstica.

A operação que se inicia hoje vai encerrar no dia 15 de setembro.

Siga o Juína News nas redes sociais facebook/juinanews e no Instagram clicando aqui @juinanews

VÍDEO

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros