Juína/MT, 18 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

18 de Junho de 2024


Mato Grosso Quarta-feira, 08 de Fevereiro de 2023, 09:13 - A | A

Quarta-feira, 08 de Fevereiro de 2023, 09h:13 - A | A

Novo sistema para emissão de carteira de identidade garante mais segurança, destaca diretor da Politec

Sistema confronta e unifica dados do CPF para a confecção do documento de identidade

Da Redação

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) se prepara para a implantação de um novo sistema de emissão de carteira de identidade nacional, integrado aos dados da Receita Federal, e que irá garantir mais segurança para a população. 

De acordo com o diretor-geral da Politec, Rubens Okada, entre os dias 13 de fevereiro e 6 de março, os atendimentos para emissão de novas carteiras de identidade serão suspensos em razão da migração de sistemas. 

"Essa mudança de sistema exige a paralisação dos nossos atendimentos para que todos os pedidos que foram feitos nesse sistema atual sejam concluídos. Somente após isso poderemos subir o novo sistema, que será conectado aos dados da Receita Federal para validação do CPF”, explica o diretor.

Quem precisar obter o documento de identificação em curto prazo poderá solicitar o RG até o dia 10 de fevereiro, ainda no modelo atual. O prazo para entrega da documentação é de até 15 dias para Cuiabá e de 20 a 25 dias para as cidades do interior de MT.

Novo modelo

O novo modelo de carteira de identidade nacional unifica os números de registro do cidadão por meio do Cadastro Nacional de Pessoa Física (CPF), auxiliando no combate à fraude, como por falsidade ideológica, e garantindo mais segurança para a população. 

Outra mudança é que a carteira de identidade passa a ter formato reduzido, e a se enquadrar nos padrões internacionais, possuindo o código MRZ de segurança, o mesmo utilizado nos passaportes. Com isso, a entrada em países do Mercosul com o documento passa a ser facilitada.

Como solicitar

O processo de emissão da nova identidade segue o modelo atual, por meio das unidades do Ganha Tempo ou em um dos 145 postos de atendimento da Politec. 

Para a solicitação do documento, basta levar a certidão de nascimento ou casamento civil e uma foto 3x4 (nos casos em que os postos de atendimento não possuem biometria). No caso de menores de 16 anos é exigida a presença dos pais, munidos de seus documentos de identificação.

A primeira via da nova identidade é gratuita para as versões física, em cédula, e digital - que poderá ser acessada pela plataforma gov.br após a confecção da versão física. Já o modelo impresso em cartões de policarbonato tem a taxa de R$ 99,53 para emissão.

O diretor-geral da Politec ressalta que, apesar da mudança de modelo, a atualização da carteira de identidade somente passará a ser obrigatória apenas em 2032. Desta forma, quem ainda tem o documento de identificação dentro do prazo de validade (10 anos), não precisará fazer a atualização de forma imediata.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros