Juína/MT, 15 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

15 de Junho de 2024


Polícia Segunda-feira, 06 de Março de 2023, 14:59 - A | A

Segunda-feira, 06 de Março de 2023, 14h:59 - A | A

Operação Amazônia coloca em campo 196 servidores para combater crimes ambientais

A operação colocará em campo 196 servidores que irão atuar prioritariamente nos 15 municípios que mais desmatam ilegalmente em Mato Grosso

Da Redação

As ações de combate aos crimes ambientais em Mato Grosso serão intensificadas a partir desta terça-feira (07), com o lançamento da Operação Amazônia. Ao todo, 196 servidores irão a campo atuar, prioritariamente, nos 15 municípios que mais desmatam ilegalmente em Mato Grosso. O evento acontecerá às 7h30, na Praça das Bandeiras, localizada no Centro Político Administrativo, em Cuiabá. 

Estão à frente da operação as Secretarias de Estado de Meio Ambiente e de Segurança Pública, que buscam o esforço conjunto entre os órgãos e instituições parceiras na prevenção e combate ao desmatamento ilegal. 

De modo estratégico, serão fiscalizados os alertas de desmatamento identificados por imagens de satélite de alta resolução. Com isso, o Estado age rápido e impede a continuidade do desmatamento ainda no início.

As ações integradas reunem órgãos que fazem parte do Comitê Estratégico para o Combate do Desmatamento Ilegal, a Exploração Florestal Ilegal e aos Incêndios Florestais (CEDIF-MT), que é presidido pelo governador. Entre eles, as Secretarias de Estado de Meio Ambiente, Segurança Pública, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Judiciária Civil, Indea, Ministérios Públicos Federal e Estadual, a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Ibama, ICMBio e Funai.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros