Juína/MT, 24 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

24 de Junho de 2024


Lista de Notícias Domingo, 15 de Abril de 2012, 00:00 - A | A

Domingo, 15 de Abril de 2012, 00h:00 - A | A

Homem usa esposa como escudo e ela acaba morta a tiros em Juína

Juína News

Uma mulher foi morta em Juína, cidade do Noroeste de Mato Grosso, na noite de sábado, e de uma maneira cruel. Roberval dos Santos Oliveira de 42 anos, vulgo “Neguinho do Foto” invadiu a residência de Ronaldo Pedro da Silva de 28 anos, vulgo “ Gordo” com a intenção de matá-lo.

Ao se aproximar de seu alvo, Roberval que estava em posse de um revólver calibre 38 efetuou disparos contra a sua vítima, mas Gordo puxou a sua esposa Márcia dos Santos Dill e os tiros acabaram a atingindo na cabeça, ombro e braço direito, em seguida o atirador fugiu.

Inicialmente, a Polícia Militar registrou a ocorrência como tentativa de homicídio na Rua Angelim, no bairro Padre Duílio. Porém, depois, conseguiu descobrir como tudo se passou. A vítima foi socorrida e encaminhada ao hospital municipal, mas seu estado de saúde era grave e foi levada a UTI do hospital São Lucas. Márcia não resistiu aos ferimentos e faleceu na UTI por volta das 3h da madrugada deste domingo.

A guarnição policial recebeu o chamado e passou a realizar rondas no bairro e minutos depois avistou o suspeito em uma motocicleta na estrada que dá acesso ao Frigorífico Guaporé.

Ao ver a viatura, Roberval se escondeu na mata, mas acabou sendo preso, com ele foi localizada a arma supostamente utilizada no crime, além de munições intactas e deflagradas e um facão. “Neguinho do Foto” revelou que passou em frente à residência do suspeito, e “Gordo” havia lhe ameaçado de morte, foi quando ele voltou em sua residência e pegou a arma para matá-lo.

“Gordo” possui passagens pelos crimes de tentativa homicídio e tráfico de drogas.

A Polícia Civil já está apurando investigando este caso.

O delegado José Carlos, autuou Roberval pelo crime de homicídio, ele já era investigado por tráfico de drogas. Há informações que o crime que tinha como vítima o Gordo pode ter sido motivado por um acerto de contas relacionado a entorpecentes.

Recentemente Márcia perdeu um parente em um acidente de trânsito ocorrido em Janeiro deste ano na Avenida Joinville, no bairro Palmiteira.

Há pouco mais de dois anos seu pai Gelson Dill foi morto a facadas no bairro São José Operário, ele havia recém saído da cadeia pública onde esteve preso por tráfico de drogas.    

Comente esta notícia

Deyse 16/04/2012

nossa muito chocando essas coisas q esta acontecendo cada dia o pai fika mas violento

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros