Juína/MT, 22 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png youtube001.png
aa9a80b34a620ff8aded7659831dc4b1.png
https://cdn.juinanews.com.br/storage/webdisco/2023/07/07/original/6752654577c6b33b1b62a50f637045f0.png
00:00:00

22 de Junho de 2024


Polícia Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2023, 12:26 - A | A

Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2023, 12h:26 - A | A

Disputa do tráfico

Guerra de facções resultou em execução próximo de semáforo de Juína

Delegado confirmou as informações e identificação dos executores

Juína News

Na manhã desta quinta-feira (23), o delegado titular da delegacia municipal de Juína, MT, Dr. Ronaldo Binoti Filho, concedeu uma entrevista coletiva para esclarecer sobre um crime de homicídio ocorrido na terça-feira de carnaval nas proximidades do semáforo na avenida Gabriel Muller, região central.

Relembre: Polícia Civil identifica autores de homicídio violento ocorrido na região central de Juína

Segundo o delegado, logo após tomar ciência do crime, a polícia judiciária civil iniciou os trabalhos de investigação e com ajuda de imagens de câmera de monitoramento foi possível identificar os autores do crime, sendo que um dos autores que é menor de idade, havia sido apreendido por um outro crime no bairro Módulo 06 pouco tempo depois, e ao ser apresentado na delegacia, as imagens obtidas das câmeras foram confrontadas e chegou-se à conclusão que o menor é um dos envolvidos, sendo realizada os procedimentos de apreensão tanto pela tentativa do homicídio no bairro Módulo 06, quanto pelo homicídio na região central da cidade.

Binoti Filho disse que as outras duas pessoas que estavam com o menor, já foram identificadas, e estão foragidas da cidade, porém, a polícia já trabalha para localizar e prender os dois suspeitos.

A vítima que foi morta violentamente com tiros na cabeça e nuca ainda não foi identificada pela Politec.
Segundo o delegado Dr. Ronaldo, crime foi motivado devido a rivalidade entre as facções, pois a vítima em questão pertencia ao Primeiro Comando Da Capital (PCC), e seus executores são faccionados a facção criminosa do Comando Vermelho (CV), e garantiu que uma resposta precisa será dada a sociedade em relação a todos os crimes que ocorreram na cidade de Juína.

Conforme as investigações, o menor apreendido, é oriundo da cidade de Comodoro em MT, e veio recentemente para a cidade de Juína a serviço da facção do CV para participar do serviço de tráfico de drogas e das execuções praticadas pela facção criminosa, e junto com a suspeita maior de idade que aparece nas imagens, o crime cometido na terça-feira foi premeditado antes de sua execução, pelo fato da vítima estar comercializando drogas na cidade para facção rival.

As investigações sobre este e os demais crimes continuam pela delegacia de Juína.

Siga o Juína News nas redes sociais facebook/juinanews e no Instagram clicando aqui @juinanews 

 

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros